Motor Vício

Renault Fluence GT Turbo - Preço R$ 79.370. Fotos, vídeo, e informações oficiais.

21 de nov de 2012 Categorias: , , 2 Comentários

A gama Fluence, que tem como destaques conforto, tecnologia e segurança, acaba de ganhar uma versão esportiva. A Renault do Brasil está lançando o Fluence GT, equipado com motor 2.0 16V turbo com 180 cv de potência. E apesar da relação da Renault com os motores turbo não ser de hoje – a marca francesa foi a pioneira na Fórmula 1, em 1977, a utilizar essa tecnologia – trata-se do primeiro automóvel turbo da marca comercializado no país e também o primeiro a trazer a assinatura da Renault Sport, divisão responsável pela preparação de modelos esportivos da marca na Europa.

Renault Fluence GT Turbo vermelho

O Fluence GT tem preço sugerido de R$ 79.370. “Um preço extremamente competitivo, considerando-se as qualidades e os equipamentos de série oferecidos nesta versão”, acrescenta Frédéric Posez.

Renault Fluence GT Turbo vermelho

Basta levantar o capô para se constatar que a esportividade do Fluence GT não fica restrita à aparência. O sedã é empurrado por um propulsor turboalimentado, de quatro cilindros em linha, capaz de desenvolver a potência máxima de 180 cv a 5.500 rpm – é o mesmo propulsor do Mégane GT europeu.

Renault Fluence GT Turbo branco

Graças ao turbo “twin-scroll”, compacto e de última geração, quase 80% da força já está disponível a partir de 1.500 rpm. E o torque máximo de 30,6 kgfm aparece logo aos 2.250 rpm. Assim, o Fluence GT é o modelo com maior torque da categoria, à frente, por exemplo, do Mitsubishi Lancer GT (20,1 kgfm), Peugeot 408 THP (24,5 kgfm) e do Jetta TSi (28,5 kgfm).

Renault Fluence GT Turbo branco

A eficiência do conjunto mecânico se reflete nos números de desempenho do Fluence GT. O sedã atinge 220 km/h de velocidade final e precisa de apenas 8 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h, refletindo uma performance verdadeiramente esportiva.

Renault Fluence GT Turbo branco

Para garantir este bom desempenho, uma série de detalhes técnicos foi trabalhada pela equipe de engenharia da Renault. Pistões, bielas, virabrequim e bronzinas foram reforçados; o sistema de arrefecimento do bloco do motor teve de ser otimizado, assim como a admissão de ar, para melhorar o enchimento do motor; a junta do cabeçote composta de três lâminas de vedação, do tipo “sanduíche”, possui como características principais a robustez e o alto nível de resistência às pressões geradas pela combustão do motor. Essa peça é melhor que a de folha única por garantir melhor vedação e contribuir para a durabilidade do propulsor.

Renault Fluence GT Turbo branco

Além disso, o virabrequim é confeccionado de aço, as válvulas de escapamento são temperadas e nitretadas e o cabeçote, com otimização aerodinâmica dos dutos de entrada de ar, permite a redução da perda de carga e o aumento do nível de tumble dentro da câmara de combustão.

Renault Fluence GT Turbo branco

A nova caixa de câmbio do Fluence GT conta com um diferencial de relação mais longa. Com essa alteração, todas as relações finais de marchas foram amplificadas, otimizando o aproveitamento do maior torque do motor 2.0 16V turbo e privilegiando o comportamento esportivo do carro. A sexta marcha, por exemplo, faz a diferença, sobretudo na estrada, pois permite que o motor trabalhe em regimes menores de rotação, o que se traduz em menor ruído e menos consumo de combustível. Para suportar o abundante torque proporcionado pelo motor 2.0 turboalimentado, a embreagem foi alterada, passando a utilizar um disco de 240mm.

Renault Fluence GT Turbo branco

Com pneus na medida 205/55 R17, o Fluence GT é equipado com suspensão independente na dianteira, do tipo MacPherson; na traseira, o conjunto é semi-independente, com eixo de torção. Todo o sistema, incluindo os amortecedores hidráulicos telescópicos e as molas helicoidais, é específico da versão GT e foi calibrado para garantir um toque esportivo sem deixar de lado o conforto na cidade.

Renault Fluence GT Turbo painel

A suspensão do Fluence GT foi projetada para que o carro enfrente com valentia e desenvoltura as condições severas de rodagem encontradas no trânsito das ruas e estradas brasileiras e de outros países latino-americanos e asiáticos. Daí a necessidade de uma arquitetura resistente. A altura da carroceria em relação ao solo do Fluence GT é igual à das demais versões, mas o spoiler reduz a distância entre a carroceria e o chão. Na dianteira, por exemplo, o Fluence GT é 4 cm mais baixo que as versões Privilége e Dynamique.

Renault Fluence GT Turbo interior

A direção elétrica tem assistência variável; ou seja, fica mais firme progressivamente à medida que o veículo atinge velocidades mais elevadas. Com isso, em manobras, é leve e de fácil operação; em altas velocidades, ganha peso e firmeza, contribuindo para a segurança e dirigibilidade do modelo. Assim, ao contrário dos sistemas elétricos mais antigos, a direção adotada no Fluence GT não transmite ao motorista a sensação de perda de contato das rodas do veículo com o solo. É o que torna a condução mais precisa e segura.

Renault Fluence GT Turbo interior

Segurança

A exemplo das outras versões da linha, o item segurança é um dos destaques do Fluence. A versão GT também traz controles de estabilidade (ESP), que garante mais segurança nas curvas, ao corrigir movimentos que tirem o veículo da trajetória normal, e de tração (ASR), que confere mais aderência nos mais variados tipo de solo. Os freios são a disco nas quatro rodas com sistemas antitravamento (ABS), auxílio de frenagem de urgência (AFU) e distribuição eletrônica de frenagem (EBD).

Renault Fluence GT Turbo interior

O Fluence GT vem com seis airbags de série: dois frontais, dois laterais e duplos do tipo de “cortina”, totalizando oito pontos de proteção aos ocupantes.

Renault Fluence GT Turbo interior

Tecnologia

A versão GT também segue a trilha no restante da gama Fluence no que diz respeito à tecnologia embarcada. A partida é feita com cartão eletrônico e por meio do botão “Start/Stop” no painel.

O Fluence GT vem equipado com o sistema hands free. Com essa tecnologia, o motorista pode acionar o motor sem que, para isso, necessite tirar o cartão eletrônico do bolso, bastando apenas que ele esteja no interior do veículo. O mesmo sistema hands free é o responsável pelo travamento e destravamento automático das portas, comandado por sensores que identificam o afastamento ou aproximação do cartão.

Renault Fluence GT Turbo interior

A versão GT também possui o eficiente sistema de navegação desenvolvido especialmente para a Renault pela empresa TomTom , com tela de 5’’ integrada ao painel e acessível por controle remoto via Bluetooth.

Renault Fluence GT Turbo interior

O sistema de som, por sua vez, foi desenvolvido com exclusividade pela Arkamys, empresa francesa especializada em customização de som automotivo. Foi realizado um trabalho de tratamento digital do som com o objetivo de se obter uma qualidade sonora em três dimensões: “3D sound by Arkamys”.

O conjunto inclui rádio CD Player MP3 de 140W, duas antenas, 4 alto-falantes e 4 tweeters, conexões USB/iPod, Bluetooth e Auxiliar – permitindo aos ocupantes desfrutarem da sua biblioteca pessoal de música -, tudo controlado pelo comando satélite instalado na coluna de direção.

O sistema de ar-condicionado digital dual-zone permite que motorista e passageiro regulem a temperatura mais conveniente para cada um deles. Os três passageiros do banco traseiro também se beneficiam com as saídas traseiras exclusivas do ar-condicionado.

O Fluence GT conta ainda com um teto solar elétrico com sistema antiesmagamento, possibilitando uma maior interação dos ocupantes com o exterior, resultando em um interior que privilegia, de forma natural, a luminosidade. Faróis de Xenon com regulagem de altura, acendimento automático e lavadores completam o pacote de itens tecnológicos.


Esportivo e elegante
As mudanças (internas e externas) incorporadas no Fluence GT foram concebidas pela equipe do Renault Design América Latina (RDAL), o primeiro estúdio de design da marca no continente americano.

Renault Fluence GT Turbo interior

O sedã apresenta visual esportivo, com estética equilibrada e sem exageros. Na dianteira, são marcantes o spoiler integrado ao para-choque, logo abaixo da entrada de ar frontal, assim como os faróis de neblina, circundados por moldura cromada, e os faróis de Xenon.

Na traseira, está presente um discreto aerofólio incorporado à tampa do porta-malas, como se fossem uma peça única. O escapamento cromado chama atenção e é envolvido pelo extrator de ar na cor preta, logo abaixo do para-choque. No centro da tampa do porta-malas, está o logotipo da Renault, com a inscrição “Fluence” logo abaixo, seguindo o atual padrão estético da marca. O conjunto é completado pelo friso cromado sobre a placa e pela inscrição “GT Renault Sport” abaixo da lanterna do lado direito.

Renault Fluence GT Turbo interior

Visto de lado, as saias laterais saltam aos olhos, assim como as rodas de cinco raios, com aro de 17 polegadas de diâmetro e de design exclusivo, deixando à mostra parte dos discos e da pinça de freio. Retrovisores – projetados para ganhar em aerodinâmica sem sacrificar o estilo – e maçanetas na cor “Dark Metal” garantem um toque extra de sofisticação ao modelo.

Renault Fluence GT Turbo interior

Os diferenciais desta versão esportiva do Fluence também estão interior, onde está um exclusivo conjunto de instrumentos, do qual fazem parte conta-giros analógico e velocímetro, marcadores de nível de combustível e de líquido de arrefecimento digitais.

Na cabine, o teto solar elétrico, possibilita uma maior interação dos ocupantes com o exterior, resultando em um ambiente agradável, que privilegia, de forma natural, a luminosidade. Os bancos, de couro com costura vermelha, oferecem apoios laterais reforçados para garantir firmeza ao corpo do motorista, necessária para uma condução esportiva. Nos apoios de cabeça, estão grafadas as letras “GT”.

O interior é marcado pelo conforto, garantido por detalhes que vão do acabamento caprichado ao conjunto completo de equipamentos de série. O painel com desenho moderno e atraente é feito com material de alta qualidade, agradável ao toque. Ao volante, o motorista encontra facilmente a posição de dirigir ideal com os ajustes de altura do banco e de altura e profundidade da coluna de direção.

Em termos de ergonomia, tudo no Fluence GT foi pensado para facilitar a vida do motorista. O volante de três raios oferece ótima empunhadura. Nele, estão instaladas as teclas do piloto automático, e o controle do rádio estão fixos na coluna de direção. Tudo para proporcionar ao condutor o máximo de conforto e segurança.

Outros detalhes que chamam atenção são as pedaleiras de alumínio e as soleiras das portas que contam com a inscrição “Renault Sport”.

O Fluence GT será comercializado em três diferentes tonalidades: Branco Glacier, Vermelho Fogo e Preto Nacré.

Amplo espaço
O Renault Fluence apresenta uma importante vantagem em relação aos competidores diretos: as suas amplas medidas internas e externas. Os 4,62 m de comprimento e os 2,70 m de distância entre os eixos da frente e de trás tornam o modelo imbatível quando o assunto é espaço interno. O Fluence transporta com conforto cinco pessoas. O porta-malas de 530 litros acomoda com folga as bagagens de uma família. O compartimento é superior a todos os seus concorrentes diretos.

Renault Fluence GT Turbo interior

A exemplo do que ocorre com todos os demais modelos da Renault à venda no mercado brasileiro, o Fluence GT também conta com garantia original de fábrica de 36 meses (ou 100 mil quilômetros).

O Fluence GT também oferece revisões com preço fechado igual ao do Fluence aspirado, cujo valor já engloba os custos de peças e mão-de-obra. Com isso, o cliente já sabe, de forma antecipada, quanto vai pagar em cada revisão programada. As revisões são feitas a cada 10.000 km.

Vídeos



Postagens relacionadas: